Prepare-se para escolher!

Poucos estão pensando em quem votar. Bem, é preciso analisar pontos que podem despertar esse pensamento.

Por que analisar bem meu candidato? A resposta é simples: Nós, costumeiramente, votamos nas pessoas às quais temos algum sentimento, seja amizade, companheirismo, familiar. A primeira escolha é feita pelo coração e depois buscamos justificativas para consolidar essa escolha.

Não que seja errado ou certo. Talvez alguns pontos precisam ser considerados nessa escolha. Quando votamos no Prefeito ou no Vereador, estamos naquele momento escolhendo as pessoas que vão administrar uma cidade, por 4 anos, dessa forma é importante conhecermos a capacidade desse candidato em administrar. “Dinheiro”, recursos de todos. Observemos   como ele administra  suas próprias finanças e se é bem sucedido, não precisa de recursos públicos para sobreviver, mas habilidade financeira para administrar um orçamento do tamanho de uma cidade ou de uma câmara de vereadores, afinal esse seu candidato pode vir a ser o Presidente da Câmara e administrará um valor bem expressivo. Sem falar que os vereadores analisam e votam todo ano o orçamento do município e para isso é importante saber analisar um balancete, conhecer as necessidades dos munícipes para questionar e validar o que será escrito nesse plano.

Segundo ponto, qual a capacidade de resiliência em sua vida. A palavra resiliência vem do latim: Resilire, que significa “voltar atrás”. Está associada à capacidade que cada pessoa tem de lidar com os problemas e superar os momentos difíceis, diante de situações adversas. O resiliente demonstra conhecer trabalhar sob pressão. É mais que educação, experiência, treinamento. O nível de resiliência de um indivíduo determina quem terá sucesso e quem se perderá pelo caminho. Quanto mais resiliente é alguém, mais forte e preparado ele estará para lidar com as adversidades da vida.

As atividades na Câmara Municipal ou na Prefeitura  exigem muita negociação, exigem, muitas vezes, ouvir o que não se deseja e, nesse momento também , dizer o  que não se devia, assim é importante reconhecer, repensar e fechar acordos, convencer os outros membros de suas ideias. Aquele eleito que responde às adversidades do dia a dia com maior rapidez e flexibilidade consegue sair de um momento de crise com muito mais facilidade. O indivíduo resiliente  encontra meios de se renovar para chegar ao seu objetivo maior que é  o bem geral da população.

O terceiro ponto que ajuda muito na realização do trabalho é a experiência, sim, a experiência é importante, pois a pessoa experiente já passou por vários problemas, alguns foram resolvidos outras não, mas com o passar do tempo vai aprendendo os caminhos. Não me refiro que não se deve tentar novamente, há muitos jovens que possuem experiência em diversas áreas e muitas vezes necessitam apenas de uma oportunidade para se mostrarem capacitados e resiliente.

O Ideia é conseguir unir essas qualidades em nossa escolha. Não é fácil encontrar em todos os candidatos essas e outras atitudes importantes, mas se não procurarmos não os encontraremos e continuamos a fazer escolhas ruins, como aconteceu na cidade de São Paulo,  uma certa vez elegeram  Cacareco, uma rinoceronte fêmea do Zoológico do Rio de Janeiro, que nas eleições municipais de outubro de 1959 recebeu cerca de 100 mil votos  na cidade de São Paulo.

Pense nisso.

Boa Semana!

Compartilhe!